Arquivo da tag: bioarte

Óvulo

O que vocês veêm abaixo é a superfície de um óvulo de uma bolacha-do-mar. O nome da espécie é Clypeaster subdepressus e eu utilizo os gametas para estudar seus embriões. Neste caso, tirei 40 fotos de diferentes planos focais, corrigi flutuações de luminosidade e fiz uma montagem juntando todos os planos numa única foto. Depois disso comecei a brincar com os contornos e o resultado foi isso aí. As cores nada tem a ver com o óvulo original.

Óvulo

Essas fotos foram tiradas no microscópio, já que este óvulo tem menos que 0,5 mm de diâmetro!

Super Digital

Inicio aqui uma série de tópicos visuais, onde colocarei imagens relacionadas com meu trabalho!

Além das fotos mostrando seres esquisitos vou colocar um pouco dos experimentos que faço com minhas imagens. Acho bem legal ficar brincando com essas ferramentas digitais e às vezes passo horas só testando as infinitas possibilidades.

Na maioria dos casos utilizo o GIMP para pós-produção e efeitos artísticos em conjunto com o ImageJ.

O ImageJ é um programa de processamento de imagens voltado para a academia, e está cada vez mais popular e em constante desenvolvimento por dois simples motivos: Ele é livre e conta com uma comunidade razoável de usuários. Isso permite que cada um modifique ou crie plugins de acordo com suas necessidades, e como a ciência é um ambiente colaborativo (ou pelo menos deveria ser), grande parte destas ferramentas estão disponíveis para todos!

Sem mais delongas, a imagem abaixo é uma projeção 3D da superfície de um óvulo de uma bolacha-do-mar sobre a qual falarei mais no próximo tópico.

Super Digital